Blog do Gilson Vieira -

“Vixe maria agora lascou” Othelino neto é Apontado como propineiro,

A Justiça Estadual do Maranhão negou o recurso apresentado pelo deputado Estadual Othelino Nova Alves Neto contra a sua condenação por improbidade administrativa ambiental, concessão de licença sem cumprimento de formalidades legais e omissão do dever de fiscalização. O recurso foi negado pelo juiz Manoel Matos de Araújo Chaves, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca de São Luís.

Othelino se opôs à decisão da sentença condenatória. Segundo o texto do recurso oferecido pelo réu, “em nenhum momento ficou evidenciada nos autos a conduta dolosa, culposa ou desonesta por parte do senhor Othelino Nova Alves Neto de cometer os atos apontados na condenação”.

Deputado Othelino Neto

Deputado Othelino Neto

Ainda de acordo com o documento, a Justiça não considerou que, “desde a época dos fatos apontados nos presentes autos, assim como acontece nos dias atuais, existia uma assessoria jurídica que respaldava, mediante parecer, todos os atos do então Secretário Estadual de Meio Ambiente e esta autoridade era a última instância do referido órgão”.

 

O deputado afirmou, no documento, que em nenhum momento ficou caracterizada nos autos qualquer conduta dolosa ou culposa por parte dele, que tenha causado dano ao erário estadual, tendo em vista que o benefício fiscal concedido à empresa Limp Fort tem total amparo legal.

O Ministério Público, que oferfeceu a denúncia, considerou o recurso inadmissível, porque o próprio réu reconhece que houve pronunciamento judicial sobre a motivação da condenação.

Sobre o pedido de improvimento dos embargos, o MP destaca que a sentença é muito clara e expressa com relação à presença do dolo e da desonestidade na conduta do deputado.

“O réu, agente público, não observou os princípios constitucionais da legalidade e impessoalidade da administração pública, ao praticar ato em desacordo com a legislação ambiental, propiciando benefícios fiscal e administrativo à ré Limp Fort.

Por fim, o MP sustenta que a condenação é categórica quanto à desonestidade da conduta do ex-secretário. O réu ainda pode recorrer em 2ª instância

Entenda o caso

O deputado estadual, Othelino Neto (PCdoB), foi condenado pela Justiça Estadual por improbidade administrativa ambiental, concessão de licença sem cumprimento de formalidades legais e omissão do dever de fiscalização.

Com a condenação, o parlamentar teve os seus direitos políticos suspensos por cinco anos e terá de pagar multa no valor de R$ 23,6 mil, montante que deve ser atualizado, e ressarcir de forma integral e em igual valor o dano causado ao erário público. A decisão foi dada pelo juiz Manoel Matos de Araújo, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca de São Luís, em 23 de novembro de 2013.

Além do deputado estadual, que ocupou cargo de secretário de Estado de Meio Ambiente do governo Jackson Lago, foi condenada a empresa Limp Fort Engenharia Ambiental Ltda. De acordo com o Ministério Público, Othelino teria beneficiado a Limp Fort em assinatura de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), com redução instantânea de multa e concessão de Licença de Operação (LO) para a operadora.

A Limp Fort havia sido multada pela Secretaria de Meio Ambiente, mas conseguiu uma redução de 90% autorizada por Othelino Neto, bem como a compensação de 10% restante do valor da multa, como o pagamento de serviços terceirizados e com a compra de equipamentos de informática.

imirante

Mais um carnaval”,Em obras há quase quatro anos, ponte de Itapecuru na BR 222 está interditada

ponte ita

Desde as primeiras horas desta terça-feira 27/02, funcionários que prestam serviço pra empresa de construção civil Marcosa, interditaram o tráfego na BR 222 sobre a ponte do rio Itapecuru, no Município Itapecuru Mirim (MA).

Eles reivindicam o pagamento dos salários atrasados. A empresa Marcosa é a responsável pela obra que caminha a passos de tartaruga. O engarrafamento se estende por toda a vida. Muita gente está sendo obrigado fazer a travessia a pé.

Parte da ponte cedeu desde fevereiro de 2011 por problemas de estrutura. Durante bom tempo, ficou com apenas meia pista liberada para o trânsito de automóveis. Após colocação de uma placa metálica, foi permitido a passagem de veículos de até 12 toneladas.

Obras da ponte se arrastam por mais de quatro anos

Obras da ponte se arrastam por mais de quatro anos

Responsável pela obra, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) diz que a ponte foi construída ainda na década de 1980 e por falta de manutenção acabou cedendo.

Em junho do ano passado, moradores da região realizaram uma  manifestação contra a lentidão das obras da ponte que  se arrastam por mais de quatro anos, prejudicando o tráfego de veículos entre a capital e as cidades de Presidente Vargas, Nina Rodrigues, Vargem Grande, São Bendito do Rio Preto, Chapadinha, Mata Roma, Anapurus, Brejo e  demais cidades da região do Baixo Parnaíba.

F.Domingo costa

Othelino Neto Trabalha nos bastidores contra a posse do suplente Luciano Genésio

FLÁVIO E OTHELINO

O deputado Othelino Neto (PCdoB), adversário de Genésio, trabalha nos bastidores contra a posse do colega de partido. Em pleno ano eleitoral, o que Othelino menos quer na Assembleia é um adversário direto com uma tribuna para lhe fazer frente.

Mesmo por puco tempo, um mandato nesse momento vem fortalecer Genésio e enfraquece em muito a votação de Otelhino na região da Baixada, o que acabaria comprometendo sua  já cambaleada eleição.

Antes, Genésio precisa reverter sua situação na Justiça eleitoral. Ele está inelegível por formar a chapa do então prefeito de Pinheiro, Zé Arlindo, mas recorreu. O caso deverá ser julgado no próximos dias.

A deputada Cleide Coutinho (PSB) pediu licença da Assembleia para acompanhar o tratamento de saúde do marido, Humberto Coutinho (ex-prefeito de Caxias), que luta contra um câncer no intestino.  Como não tirou licença de 121 dias e sim de 30, prorrogáveis por mais 30, ela continua no cargo e nenhum suplente ocupou a sua vaga.

Apesar do estado de saúde do ex-prefeito apresentar melhoras consideráveis, a deputada socialista poderá prorrogar ainda mais sua licença. Caso tenha que ficar afastada de suas funções pelos próximos dois meses, o suplente Luciano Genésio (PCdoB) deverá assumir.

 

“Hoje eu vou Beber”, A Festa na Fazenda Open Music

furacao_forro nv foto

 

A pós o sucesso no Réveillon do Maranhão, a banda Furacão do Forró volta em grande estilo a São Luís para o primeiro show do ano, que contará com uma super estrutura e promete agitar  a galera na casa de show mas top da cidade, dia 22 de fevereiro, com a Festa “Hoje eu vou Beber!

 

 

Na Fazenda Open Music. Sábado dia,22/02/2014, às 22h00 Ingressos: R$ 40 (1º lote)

Vem ai mais uma super edição do Bloco du Balakubaku

diretoria do bloco juniorjunio bloco 2

Vem aí mais uma edição do Bloco du Balakubaku  que promete muita animação com músicas que animarão a multidão dos bairros  Divineia, Sol e Mar, Brisa do mar e Bairros Vizinhos com as tradicionais marchinhas de carnaval.

Este ano o Bloco du Balakubaku tem uma novidade para os foliões.

Com muita diversão, segurança , maisenas, paz, alegria,  todos estão convidados para mais um ano do bloco du balakubaku que vai fazer a festa pelas ruas dos bairro arrastando centenas de pessoas embaladas pelas marchinhas e samba e enredo do carnaval…

Lancha afunda com dez militares da Aeronáutica

Uma lancha afundou com dez militares da Aeronáutica nesta segunda-feira (17), durante a travessia entre Alcântara e São Luís, próximo à Ilha do Medo, localizada a noroeste da ilha de São Luís. Segundo informações da assessoria de comunicação da aeronáutica , a lancha teria afundado após ficar presa em um banco de areia, comprometendo a atividades dos motores e sendo arrastada pela maré até as pedras, e os dez militares abordo foram resgatados com segurança.

A embarcação Áquila de propriedade do Centro de Lançamento de Alcântara sofreu um acidente quando deixava o município de Alcântara no fim da tarde de segunda-feira, quando o comando da Aeronáutica recebeu a informação para o resgate às 18h30. O resgate foi feito pela Marinha do Maranhão, e pelo Grupamento de Bombeiros Marítimo do Maranhão, onde conseguiram resgatar os militares. A nota informou ainda, que todos os militares usavam coletes salva-vidas, e  os dez militares passam  bem.

Em nota a Assessoria da Aeronáutica informou, que já foi instaurado inquérito para investigar o acidente.

Hemomar inicia Campanha de doação de sangue para reforçar estoque no Carnaval

 

DOAÇÃO DE SANGUE foto A campanha de incentivo à doação de sangue do Centro de Hematologia e Hemoterapia (Hemomar). O objetivo é garantir o estoque de sangue durante o período carnavalesco. A campanha prossegue até o dia 3 de março e o doador recebe a camisa com o tema ” No Carnaval, doe alegria. Doe sangue!”.

Para facilitar a doação de sangue os doadores que não podem se deslocar até o hemocentro terão a sua disposição uma equipe que fará coletas externas. A equipe atuará na Igreja Batista do Cohatrac, no dia 22, e no município de Pinheiro, cujo atendimento será feito dias 20 e 21.

Para os doadores fica a dica: no dia da coleta devem estar alimentados, ter dormido bem na noite anterior à doação (mínimo 6 horas) e não ter ingerido bebida alcoólica 12 horas antes da doação.

E para quem ainda não é doador e pretende ser basta estar bem de saúde, ter idade entre 16 a 67anos (menores de idade só doam mediante autorização do responsável legal), ter peso acima de 50 kg, apresentar documento de identificação emitido por órgão oficial

Luis Fernando incia obras em Bacabeira,Humberto de campos, e Barreirinhas

Foto-3-Luis-Fernando-em-Bacabeira-2

O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, assinou Ordem de Serviço para início das obras de pavimentação de vias urbanas com blocos de concreto em Humberto de Campos e, anunciou 3 km de asfalto para ruas e avenidas em Bacabeira, nesta sexta-feira (14). As ações fazem parte do Programa Viva Maranhão, que contempla, entre outros setores, o de infraestrutura, com a pavimentação de ruas e avenidas das cidades e a interligação de todas as sedes municipais por uma via asfaltada.

“Humberto de Campos está ganhando mais 4 km de pavimentação, ao estilo da cidade, com calçamento de blocos de concreto, com isso, as ruas e avenidas vão ficar livres

Já em Bacabeira a pavimentação de mais 3 km de ruas e avenidas na sede, também por meio do Programa Viva Maranhão. Ao todo, por meio de parceria com o Governo do Estado, Bacabeira já foi beneficiada com aproximadamente 8 km de asfalto.

“Bacabeira está na porta de entrada de São Luís e o município cresceu a olhos vistos, é só passar por aqui para ver a movimentação da cidade. E o asfalto tem impacto direto na educação, na saúde, na segurança pública, e na autoestima dos cidadãos, além de mudar o aspecto paisagístico e urbanístico das cidades”, assegurou Luis Fernando Silva.

O prefeito Alan Linhares lembrou que os maiores beneficiados com a parceria são os cidadãos. “A presença do governo nas cidades é importante, pois é tudo que a população deseja e espera. E a presença do secretário Luis Fernando demonstra que o governo está agindo em prol dos municípios para ajudar a população a ter uma vida melhor. Aqui, serão 3 km de pavimentação para o bairro São Cristóvão”, afirmou.

luis_fernando1 barreria

Em Barreirinhas Luis Fernando Silva, deu continuidade às ações do Programa de Pavimentação de Vias Urbanas, desta vez no município de Barreirinhas, com a assinatura da Ordem de Serviço e o início das obras de pavimentação de 7 km de ruas e avenidas com blocos de concreto intertravados, neste sábado (15).

“Estamos trazendo para Barreirinhas 28 mil  de calçamento, o que corresponde a cerca de 7 km, que vão embelezar ainda mais, melhorar a qualidade de vida e tornar a cidade mais agradável de ver e visitar. Além disso, o calçamento melhora os indicadores na saúde, na educação, na segurança e resgata a autoestima dos cidadãos”, afirmou Luis Fernando Silva.

Também presentes o prefeito Léo Costa, os deputados estaduais André Fufuca, Magno Bacelar, Graça Paz, Hélio Soares e Marcos Caldas; o secretário de Projetos Especiais, Clodomir Paz; vereadores, prefeitos e ex-prefeitos da região.

da poeira, no verão, e da lama, no inverno. Assim, a gente vai mudando a vida em cada cidade do Maranhão”, ressaltou o secretário, confirmando que a obra já foi iniciada

 

“As lágrimas do Pirata da Litorânea representam as lágrimas de todos nós”, diz Fábio Câmara

O PIRATA DA LITORÂNEA X OS PIRATAS DA DEODORO

Vereador Fábio Câmara

Vereador Fábio Câmara

As lágrimas do Pirata da litorânea comoveram milhares de ludovicense que se sentiram tocados ante a insensibilidade do secretário Carlos Rogério (SMTT) e do prefeito de São Luís, Edivaldo de Holanda Braga Júnior (E. de H.).

 

Por que será que os taxis PIRATAS e as vans PIRATAS que circulam livremente pela capital maranhense, sequer são notadas pela prefeitura ou pela SMTT? Vale destacar que a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de São Luís está no seu 3° secretário e ninguém apresentou, até agora, qualquer sinal de melhoria para a mobilidade urbana da nossa cidade.

Junho, julho, agosto e setembro. Três meses de campanha em 2012. Outubro, novembro e dezembro. Foram mais três meses de transição e preparativos para assumirem a prefeitura. Depois disso, + 1 ano inteiro (2013) não foi suficiente para que essa gestão apresentasse para a cidade um plano de mobilidade urbana ajustado ao que exige a lei e atendendo aos anseios da população e às demandas de uma metrópole habitada por mais de 1 milhão de pessoas que precisa ser projetada para o futuro. Nada disso se pode encontrar na gestão E. de H.

O que se vê claramente, até o presente momento, é apenas a capacidade que essa gestão tem de fazer pessoas simples chorarem. O Pirata da litorânea foi apenas mais uma vítima da prefeitura que só tem olhos para atacar os mais simples.

Pirata 2Um ônibus com 15 anos de uso, rodando e quebrando enquanto transporta o povo, por estar ilegal é muito mais pirata. Mas o empresário nunca que é punido por isso. Pelo contrário! O sistema recebe são bonificações mensais na ordem dos milhões para continuar pregando no meio da viagem e das avenidas já congestionadas e mal servindo a população.

E só para finalizar, acabo de ser informado de que o coordenador da operação que rebocou o fusquinha do Pirata se chama Claudio Rogério da Silva Costa. Esse cidadão foi EXONERADO do cargo de COORDENADOS de VIAS E FISCALIZAÇÃO de TRÂNSITO. Dado o seu modo peculiar de tratamento, foi carinhosamente alcunhado pelos seus pares de “CORAÇÃO DE PEDRA”.

E o mais curioso; Esse figura, apesar de ter sido EXONERADO EM 5 DE JUNHO DE 2013 (diário oficial de 25 de junho de 2013), continua a operar e a receber pela SMTT. Ou seja, na SMTT tá tudo errado, a começar pelo secretário que é FICHA SUJA e o pobre do PIRATA é quem paga o pato!

Senhor prefeito, o povo a quem hoje o senhor faz chorar, certamente não mais lhe sorrirá nas urnas de amanhã.

AS LÁGRIMA DO PIRATA DA LITORÂNEA REPRESENTAM AS LÁGRIMAS DE TODOS NÓS!

F.luis pablo

Vixe maria, Casal Espanca Filha recém-nascida até a morte em Santa Luzia

 

O lavrador Francisco Gomes de Almeida, de 49 anos, e sua companheira, uma adolescente de 17 anos, são suspeitos de espancar a própria filha recém-nascida, de apenas um mês e dois dias, até a morte no município de Santa Luzia, que fica a 380 km de São Luís.

A menor foi apreendida e ele preso pela Polícia Civil. Em dcasalepoimento, o casal confessou o crime e alegou ter matado a criança porque estava embriagado e não suportou ouvir o choro do bebê durante a madrugada do último domingo, dia 9.

A mãe tentou dizer ainda que “apenas” teria jogado a vítima no chão, mas exames comprovaram as agressões. O casal ainda teria tentando forjar um velório, alegando que a criança teria morrido de “causas naturais”. A denúncia veio de uma vizinha, que disse para a polícia que o casal agredia o bebê e outro filho de 1 ano. No hospital, foram constatados vários hematomas no corpo da criança, principalmente na região das costas e até um furo na cabeça.

Os dois estão à disposição da Justiça na Delegacia de Santa Luzia. O delegado da cidade, Estefânio Aragão, informou que, por enquanto, ambos vão responder por homicídio comum, porém, no decorrer no inquérito policial, o crime certamente deve ser agravado em algumas qualificadoras, já que a vítima era indefesa e incapaz.

criança